APARTAMENTO PINHEIROS

Reforma de apartamento para uma moradora jovem e seus muitos livros.

Para reduzir o custo com a arquitetura, a cliente contratou o nosso serviço de projeto até a fase de anteprojeto, para ter, assim, o partido arquitetônico, o leiaute do mobiliário e as definições de todas as alvenarias, pontos de elétrica, hidráulica, iluminação e ventilação artificiais, além de sugestões de acabamentos.

A mãe da cliente, que é arquiteta, encarregou-se da execução, durante a qual terminou de definir os acabamentos, além de desenhar a marcenaria.

ÁREA SOCIAL E DE SERVIÇOS

Entra-se por um hall aberto servido por um longo aparador e daí se pode ir para a sala de estar e escritório, para a sala de jantar ou para a cozinha aberta, separada por uma divisória de vidro da lavanderia, onde fica o banheiro transformado em lavabo.

A porta de serviço foi fechada por uma marcenaria revestida em Formica na cor goiaba que vai da porta social até o final da cozinha, apoiando o hall e depois transformando-se na bancada da cozinha.

Nas áreas sociais e de serviço, praticamente todas as paredes foram demolidas, inundando o apartamento com luz e ventilação naturais. Os pilares e vigas que restaram foram descascados e tratados para trazer a textura do concreto aparente para o ambiente.

O piso de taco de madeira foi renovado e completado nos trechos dos quais foram retiradas paredes e chega até cozinha, onde uma faixa de porcelanato de tom neutro acompanha a bancada em L do ambiente. Lá, uma mesa rústica serve, ao mesmo tempo, como ilha e mesa de copa.

Todos os ambientes foram estudados para aproveitar ao máximo as peças de mobiliário que a cliente possuía em seu apartamento anterior.

ÁREA ÍNTIMA

O acesso se faz por uma porta-painel que tanto pode ficar aberta deixando o banheiro e o quarto da moradora acessíveis às visitas, como fechada, transformando estes ambientes em uma suíte, e pode ainda dar privacidade à área do escritório, transformando-o em um quarto de hóspedes.

O quarto de serviço foi aberto para o quarto da moradora e transformado em um closet com iluminação e ventilação naturais vinda da área de serviço.

Um bloco central contém o banheiro – que também é iluminado e ventilado pela área de serviço – e, voltada para a lavanderia, uma bancada de equipamentos, armários de serviço e um nicho para a condensadora do ar-condicionado que atende ao quarto, liberando o restante do espaço para funcionar como varanda, com direito a rede e plantas.

FICHA TÉCNICA

Projeto de Arquitetura: mínima e ODVO
Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2013
Conclusão da obra: 2014
Área do terreno: 101 m²

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

    EQUIPE_MINIMA_1x1

    SOBRE NÓS

    O mínima é uma empresa que está em constante busca por formas inovadoras de realizar seu trabalho. SAIBA MAIS AQUI

    COMPARTILHE

    Share on FacebookPin on PinterestGoogle+Tweet about this on Twitter